Risque apresenta: mulheres que reclamam

IMG_0270-2

A nova campanha “Homens que amamos” da Risquè tem gerado polêmica no twitter. O objetivo da campanha era ressaltar pequenos gestos de carinho em nomes de esmaltes. “João disse eu te amo”, “Léo mandou flores” , “André fez o jantar”, “Fê mandou mensagem” eram alguns exemplos de nomes de esmaltes que a campanha contemplava.

Eu sou do tipo que presto atenção em nome de esmalte. Tanto quanto a cor. Muitas vezes, o nome que decide por mim. Hoje eu vou de “Inveja boa”. Em dias de chuva, “Preguicinha”. Mas tem sábados que eu tô mais pra “Malícia” ou “Apuros em Miami”. Vai de acordo com meu humor. Então, como mulher e consumidora da marca Risquè, adorei a nova campanha que retrata “Homens que amamos” em nomes de esmaltes.

Acontece que uma geração-de-mulheres-chatas caiu em cima no twitter, acusando a campanha de machista e sexista. Oi? Essa geração afirma que homens não podem ser foco de uma marca de esmalte, cujo público é feminino. E desde quando homem não é assunto de mulher? Qual mulher não gosta de ganhar flores ou comentar com as amigas na mesa do bar sobre o jantar especial que ele preparou?

Claro que não falamos só disso. Falamos de trabalho, sexo, política, economia e a nova cor de esmalte que saiu. Tudo bem que a Risque poderia ter feito uma coleção com “mulheres fodas”, mas relacionamentos também fazem parte da vida das mulheres. E da vida dos homens também. E não só podem, como devem, ser explorados na publicidade.

Essa geração de mulheres que reclamam acredita que o André-fazer-o-jantar não é passível de homenagem. E que receber um sms no meio da tarde não diz nada. Como diz a colunista Mariliz Pereira à Folha de São Paulo: é essa mesma geração de mulheres que tá sozinha. E que acredita que uma campanha inofensiva dessa futiliza as mulheres. Alô, estamos falando de e-s-m-a-l-t-e-s. Deixemos os assuntos sérios para coisas sérias.

Imagine como seria a coleção de esmaltes retratada por essa geração de mulheres:

-Amiga, que lindo seu esmalte. Que cor é essa?

-“Pedro paga pensão”. E o seu?

-“Edu vai assumir a criança”.

Por favor né.  Agora deem licença que vou fazer as unhas.

Advertisements

2 thoughts on “Risque apresenta: mulheres que reclamam

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s